Quinta-feira, 16 de setembro 2010.

Eu já disse uma vez aqui, que escrever é questão de tempo.


Há meses me preparo pra falar (escrever) sobre essa última fase.
Há meses me preparo pra sair (vencer e entender) o Nível 3.
Como é difícil!
E como "somos entregues à morte diariamente" (2 Coríntios 4:11)
entramos nesse jogo e precisamos sair vivos, com vitória nas mãos.
Experimentei o Nível 3 em diversos cenários.
(Pouco a pouco vou escrever sobre eles.)


Por ora, pretendo encerrar as instruções sobre o Jogo da Tentação.
Preparados?!




Jogo da Tentação: Nível 3








Vamos nos lembrar dos obstáculos nos Níveis 1 e 2.
Nível 1: Precisamos vencer a tentação no âmbito físico.
Nível 2: Nossas emoções são o alvo da tentação.

Contra quem lutamos?
"[...] nosso maior adversário neste Jogo não é Satanás.[...]
Jogamos contra nós mesmos. Contra nossos desejos, necessidades,
sentimentos, pensamentos ...."

Volte ao Nível 1 e 2 (leia novamente) se tiver dúvidas sobre o contexto.
Falando em contexto, eis o texto que não pode faltar.

Leia Mateus 4:1-11

Os Níveis do Jogo da Tentação são revelados nesse texto.
Bem, essa foi minha compreensão (sem distorção) e estou compartilhando.

Prosseguindo. Há muitos pontos para marcarmos (e ficarmos marcados).

Nos versículos 8 a 10 lemos:
"Novamente o transportou o diabo a um monte muito alto; e mostrou-lhe todos
os reinos do mundo, e a glória deles. E disse-lhe: Tudo isto te darei se, prostrado,
me adorares. Então disse-lhe Jesus: Vai-te, Satanás, porque está escrito:
Ao Senhor teu Deus adorarás, e só a ele servirás".

O significado dessa expressão "oferecer culto" é muito amplo
e cabe na nossa vida diária.
Culto quer dizer adoração ou homenagem a uma divindade.

Nossas escolhas e atitudes nos fazem adorar a nós mesmos, a pessoas, 
a bens materiais, a condições e posições sociais...
Adoração é rendição, dedicação, submissão em ações e palavras.

Ao prestamos culto (adoramos) a outro SER que não seja o Senhor Deus
fugimos do propósito da nossa criação. (Efésios 1:11-12) 
Negamos nosso chamado. Nos afastamos.  Nos tornamos escravos novamente.
E esse é o intuito de Satanás: nos fazer escravos.

Satanás (sai da arquibancada) usa algumas tática mágicas (malignas) 
tentando (investindo contra) desviar a atenção, o foco na nossa vida, na nossa luta, 
na nossa vitória, na nossa bênção, na nossa santidade, como ele fez com Jesus no deserto.

Observe que Satanás transporta Jesus ao alto de um monte e mostra
a glória deste mundo (que está no Maligno - 1 João 5:9).
Truque (barato) de ilusão que funciona tanto com a gente.

Como assim?! Você nunca foi "transportado magicamente" ao cume do monte e viu
a glória deste mundo? Certeza?!
Nem mesmo quando você está à frente da congregação ministrando
a palavra, cantando uma canção...? ( E pensa na fama...?)
Ou no trabalho frente à uma oportunidade de reconhecimento, de promoção,
de puxar o tapete,  de se corromper...? (E deseja o poder...?)
(Guarde esse momento na sua mente)

Continuando (voltando ao texto), assim que Satanás mostra o mundo
e a glória dele a Jesus, surge a oferta:
"...Tudo isto te darei se, prostrado, me adorares".

Aqui está o segredo (do truque).
No Nível 3 do Jogo da Tentação seremos tentados espiritualmente.

Nossa fé, nossa crença, nossos princípios, as verdades que aprendemos serão questionadas, pesadas na balança, confrontadas.

Agora volte ao momento que sugeri logo acima. Imagine-se no seu trabalho,
tendo em suas mãos uma chance de mudar de função e ganhar 3 vezes mais.

Você está entre a necessidade e a oportunidade.
Seu chefe (já corrompido) diz: - Faça isso e terá minha confiança.
Você agora está entre a oportunidade e a cobiça.
Ele continua dizendo: - Você merece essa chance.
Agora está entre a cobiça e o orgulho.
E o próximo passo te levará à queda, à ruína, ao fracasso.

"A soberba precede a ruína, e a altivez do espírito precede a queda".
Provérbios 16:18

O objetivo de Satanás é nos lançar ao chão. ("...se prostrado me adorares".)

Se imagine no lugar de Jesus. (Parafraseando João 1:1-14)
ELE estava ao lado do PAI durante a criação do mundo.
Viu todas as coisas serem criadas.
ELE era o verbo ("haja"). Estava ali no Céu desfrutando da glória infinita do PAI.
Até que recebe um pedido:
- Filho, você pode ir ao mundo em forma de homem, viver entre os pecadores,
guiá-los, mostrar que é possível resistir o mal e ter santidade?
- Sim, meu Pai!
- Você será o Bom Pastor dessas ovelhas desgarradas.
- Farei o que Tu quiseres, meu Pai.
- Filho, o Bom Pastor dá a vida por suas ovelhas.
- Que linda essa Palavra.
- Mas, você será rejeitado pelos seus. Será entregue à morte, sem culpa,
em favor de muitos. Pois, sem o derramar de sangue não pode haver perdão.
- Abba Pai, que seja feita a Tua vontade na terra e nos céus.

Então,"o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, e vimos a sua glória,
como a glória do Unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade".

JESUS conhecia a glória deste mundo.
Ele sabia e-xa-ta-men-te o que Satanás lhe propunha.
Mas, além disso ELE conhecia glória eterna do Pai.

O que o inimigo estava propondo era que ELE trocasse a glória eterna pela glória dessa terra.

O que Satanás nos propõe é que troquemos nosso deserto por uma garrafa de água, 
mesmo que tenhamos a Fonte de Água Viva.
Propõe que nos ajoelhemos diante da fama, do dinheiro, das coisas fáceis
e deixemos de lado o crescimento que a humilhação nos proporciona.

Satanás questiona a fé de Jesus, sua esperança, sua certeza, dizendo:
- Você já teve tudo e agora está aqui nesse deserto com fome, cansado,
com sede...e pra quê??

Satanás questiona nossa fé, nossa esperança e certeza, dizendo:
- Você faz tanta coisa na Igreja e não consegue pagar suas contas. 
Você jejua e ora, mas é afrontado por todos. 
Você ora, chora e ainda não realizou seu sonho.

Paulo diz em Romanos 8, versículo 18:
"Porque para mim tenho por certo que as aflições deste tempo presente
não são para comparar com a glória que em nós há de ser revelada."

Creio que foi exatamente esse o pensamento de Jesus, quando ELE responde de
maneira direta à Satanás:
"Cara, se enxerga! A Palavra do meu Pai é que somente a Ele que devemos
adorar e oferecer culto. E eu vou obedecer até o fim.
Até a morte, e morte de Cruz". (Filipenses 2:8)

Jesus assim nos ensina que quando somos tentados espiritualmente,
ou seja, quando somos instigados a  deixar que coisas e situações ocupem
o lugar (imaculável) do Senhor, devemos nos lembrar do propósito
de nossa criação, fortalecendo a nossa fé, nossa esperança que Deus nos ouve, 
nos responde e em momento oportuno nos trará socorro.

...O meu socorro vem do SENHOR que fez o céu e a terra.”
Salmos 121:2
Quanta beleza e consolo há na Palavra de Deus!
O versículo 10 de Mateus 4 revela o poder dessa Palavra:
"Então o diabo o deixou; e, eis que chegaram os anjos, e o serviam".

Meus queridos, é lindo demais pensar na grandeza desse fato:
Quando rejeitamos o convite de Satanás (o resistimos) e ele
nos deixa (foge de nós), recebemos o serviço dos Céus.

Vencer o Nível 3 nos proporciona a proximidade com a glória futura.
Vencer o Nível 3 nos prepara para a caminhada fora do deserto.

Mas, não acaba por aqui.
Vencemos o Jogo da Tentação no cenário do deserto.
Esse Jogo continua esmo em outros cenários, e por isso, 
devemos estar preparados para a guerra diária.

Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais
resistir no dia mau e, havendo feito tudo, ficar firmes.” Efésios 6:13

Te convido para juntos desembainharmos a espada de Deus
(Palavra Viva e Eficaz) e lutarmos a cada momento contra as investidas de Satanás.

Vamos juntos?!?!

Graça e Paz,
Leíze Oliveira Carvalho

1 comentários:

Pr. Vandeir Ribeiro disse...

Parabéns pela mensagem abençoada e pelo lindo blog. Estou te seguindo e se você quiser me dar a honra meu blog é http://www.goldenappleonasilverplatter.blogspot.com/ Obrigado. Que o Senhor JESUS CRISTO continue abençoando a sua vida e família e te usando poderosamente!

Postar um comentário

Obrigada por compartilhar sua opinião!